23/11/2012

Desculpem mas é verdade


Cada um veste o que quer e blá blá blá...
Mas a noção do ridículo deve ser comum a todos e vocês nem imaginam as coisas que por vezes em vejo na rua (ou devem imaginar porque tenho a certeza que já toda a gente se deparou com uma rapariga ou mulher que independentemente das suas medidas generosas poderia tirar muito melhor partido do seu corpo do que com umas leggins vestidas.).

5 comentários:

Lisa disse...

Oh meu Deus, concordo tanto com este post! ahah (também não quero ofender ninguem, atenção.)

M. disse...

Também concordo. Até porque vejo muitas raparigas gordinhas que sabem disfarçar a gordura, que usam roupas que favorecem. Mas depois há essas. Por um lado, acho que elas têm tanto direito como toda a gente a vestir o que querem, mas por outro, dizem que não querem que lhes chamem de gordas e andam com a gordura de fora...

margarida ♥ disse...

Concordo contigo :) às vezes vejo cada coisa...

Blackbird disse...

Concordo! As pessoas têm de ter a noção que por determinada peça de roupa ficar muito bem em determinada pessoa isso não significa que fique bem em nós próprios. Temos que nos vestir de acordo com aquilo que fica bem em nós e nos valoriza :)

Marga disse...

A primeira vez que vi isto parti-me a rir porque é mesmo verdade! Cada um usa o que quer, sim... Mas cada um pensa o que quer também... E as pessoas que usam leggins como se fossem calças? Dispenso ver rabos e cuecas amigas...